segunda-feira, 13 de julho de 2009

O Portão

"Numa Terra em guerra havia um Rei que causava espanto..
Cada vez mais fazia prisioneiros, porém não os matava.
Levava-os à uma sala onde havia um grupo de arqueiros em um canto e uma imensa porta de ferro do outro lado.
Nesta sala ele os faziam ficar em círculos e os ordenavam:
-Vocês podem escolher morrer flechados pelos meus arqueiros ou passarem por aquela porta e desbrirem o que há atrás dela!
Todos que por ali passaram optaram por morrerem flechados pelos arqueiros.
Ao término da guerra, um soldado, que por muito tempo servia ao Rei, perguntou-lhe:
-Senhor posso lhe fazer uma pergunta??
-Diga soldado!
-O que havia por trás de tão assustadora porta ?
-Vá e veja
O soldado então abre vagarosamente a porta e percebe que a medida que o faz, os raios de sol vão adentrando e clareando o ambiente até que totalmente aberta, nota-se que a porta levava a um caminho que saíria rumo a liberdade.
O soldado admirado apenas olha seu rei, que apenas diz :
-Eu dava a eles a escolha, mas optaram pela morte a abrir esta porta.
Então o soldado saiu pensativo, que matara tantas pessoas, porque estas, não acreditavam em si próprias ...
ele chorou!"

E nós? Quantas portas deixamos de abrir por medo de arriscar?
Quantas vezes perdemos a liberdade e nos matamos por dentro apenas por alimentarmos o medo de abrir a porta de nossos sonhos ..
De arriscar o que supomos que não dará certo!
A vida é assim, temos escolhas em quase todos momentos, agora cabe a nós decidirmos: Abrir ou não a "porta"
Se é certo ou não, só o tempo nos mostra.
O que não podemos é deixar a VIDA passar, deixar nossos sonhos morrerem...


Clique aqui para receber mensagens por e-mail!




Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um comentário positivo..